terça-feira, 10 de novembro de 2009

Mais um patronato...

Para quem escreve, a homenagem de uma cidade em sua feira de livro é honraria maior. Afinal, ser patrono, escolhido entre tantos autores e autoras que se dedicam com maestria à arte de escrever, acaba sendo marca na história daquele que resolveu criar mundo fictícios, ou poemas, ou ilustrações, ou reflexões... A vida de escrita tem seu tanto de sacrifícios (os inícios sempre são difíceis, e se não são apenas existem para confirmar a regra), mas também tem seu muito de alegrias, de trocas, de fantasias e de sonhos: mundos possíveis que se vão construindo a partir do desejo e da emoção de quem os cria.

Pois dia 06 de novembro fui homenageado na cidade de Presidente Lucena, em sua 8ª Feira do Livro. Momento de encontro com outros autores, mas sobretudo momento de ver meus personagens circulando pelo lonão. Felicidade sempre.


Agora, a minha história e a história da leitura no município de Presidente Lucena estão entrelaçadas. E isso é bom.


Um comentário:

Leti disse...

Olá Caio
Gostaria muito de entrar em contato contigo para ter mais informações sobre um livro seu.
Como posso ter seu e-mail.
Meu e-mail é asdoleta@gmail.com
Agradeço desde já a atenção
Um abraço
Letícia